quinta-feira, 19 de maio de 2011

Pesquisadores do Cariri Cangaço são recebidos em AURORA





Fotos dos pesquisadores: Manoel Severo, Bosco André, Souza Neto e o secretário de Cultura José Cícero.

Com vistas a realização do Cariri Cangaço 2011 o secretário de Cultura de Aurora recebeu na tarde desta quinta-feira, (19) o curador do Cariri Cangaço Manoel Severo, acompanhado do memorialista missãovelhense Bosco André e do radialista barrense Souza Neto.

Na pauta, os primeiros preparativos relacionados a parceria do município com o CC, assim como a discussão para o fechamento o quanto antes da programação do evento, tanto em Aurora, quanto em Barro, Missão Velha, Porteiras e os demais municípios que este ano também comporão o leque de parceiros do acontecimento.

O encontro aconteceu na sede da secretaria de Cultura quando em seguida a equipe de pesquisadores visitaram o antigo prédio da Estação Ferroviária e o exato local onde ocorreu o célebre assassinato do coronel Izaías Arruda em agosto de 1928.

Como estava a trabalho visitando a zona rural o prefeito Adailton Macedo não pode comparecer ao encontro, no entanto já ssegurou oficialmemente a participação de Aurora em mais uma edição do Cariri Cangaço.

“Além de discutirmos as propostas e sugestões para o evento, também como sempre acontece, tratamos muito da rica e palpitante história regional. Penso que esta particularidade da aprendizagem coletiva é o que mais nos prende e apaixona no que tange a pesquisa da historiografia lampiônica e todas as suas mais diferentes variáveis”, disse o secrertário. “O Cariri Cangaço por tudo isso é um grande momento em que o povo caririense poderá aprender um pouco mais acerca do seu passado e da sua história. Portanto, um instrumento cultural que dentre outras coisas presta um grande serviços a sociedade na construção da cidadania”, finalizou.

No próximo sábado(21), José Cícero se juntará aquela equipe de pesquisadores na visita que juntos farão a famosa fazenda Serra do Mato no Jamacaru(Missão Velha) antiga propriedade do não menos conhecido coronel Santana – que ao lado de Izaías Arruda, foi um dos grandes coiteiros de Lampião na região do Cariri.

As informações colhidas estarão sendo aproveitadas para os livros que serão lançados por ocasião o evento: “José Inácio do Barro e os fragmentos do Cangaço” de autoria do pesquisador Souza Neto e “Lampião em AURORA: Antes e Depois de Mossoró...” do professor José Cícero.

Este ano o CC tem tudo para se transformar de vez num dos mais organizados e participativos acontecimentos culturais do Ceará neste gênero, a começar pelo grande números de participantes que já confirmaram presenças, do país inteiro e até do exterior, segundo informou Manoel Severo.Da Redação.

LEIA MAIS EM:

www.seculteaurora.blogspot.com

www.cariricangaco.blogspot.com

www.prosaeversojc.blogspot.com

www.aurora.ce.gov.br

www.jornalchapadadoararipe.com.br

www.blogdaaurorajc.blogspot.com

www.jcaurora.blogspot.com

Fotos: equipe do blog da Sculte-Aurora

2 comentários:

Anônimo disse...

Parabens ao secretario José Cícero e ao prefeito Adailton pela realização do grande cariri cangaço, parabens ao senhor manoel severo por trazer esse grande acontecimento para nossa região.

saudações
Miriam Tavares

Anônimo disse...

Parabens ao secretario José Cícero e ao prefeito Adailton pela realização do grande cariri cangaço, parabens ao senhor manoel severo por trazer esse grande acontecimento para nossa região.

saudações
Miriam Tavares

Google+ Followers