quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Política: Um passeio pela corrida sucessória de Aurora*

Por José Cícero

À guisa de Comentário:

Há quem diga que, caso as eleições fossem hoje há fortes indicativos de que o atual prefeito Adailton Macedo teria sua reeleição garantida com relativa facilidade. Em tese, pelo grande leque de obras, ações e conquistas que tem conseguido para o seu município. De forma que, os números já alcançados por sua gestão serão por assim dizer - o carro-chefe da sua próxima campanha. E como contra fatos não há argumentos, diríamos que o atual prefeito terá a seu favor um trunfo dos mais imbatíveis –isto é, uma gama de obras e ações efetivas que falam por si mesmas.

Já no que tange as oposições muita especulação ainda gira em torno dos prováveis candidatos às eleições vindouras. Os que mais pairam nos comentários de rua são os nomes de sempre: Alcides Jorge(PDT) e Carlos Macedo(PSB). O primeiro que perdeu a última eleição para o atual prefeito, não confirmou ainda se concorrerá novamente. Mas dá sinais de que tem ligeiras pretensões(em parte) pelas visitas que vem fazendo a seus correligionários. O segundo que, por via de conseqüência não conseguiu fazer seu sucessor e, que também foi derrotado nas últimas eleições, continua fazendo afirmações no mínimo macarrônicas, ou seja, se diz candidato em meio a uma série de outras interrogações. Porém, até alguns meses atrás tinha seu domicílio eleitoral ainda pertencente a Juazeiro do Norte, quando sonhou novos vôos que não deram certo. E ainda,(segundo rumores) parece que a questão relacionada as suas contas de mandato ainda poderá provoca-lhe muita dor de cabeça. O mais curioso é que lá pras bandas do Juazeiro, teria afirmado aos quatro ventos de que também seria candidato à sucessão de Santana(PT).

Do ponto de vista dos boatos e não dos fatos, correm por fora nomes alternativos alguns novos e outros nem tanto. Alguns majoritários, a exemplo do vereador Erieudes e Dr. Vicente Aquino(PSC) , assim como do agrônomo Luiz Carlos Pereira(PT). Outros coadjuvantes; os chamados vices, tais como o próprio Erieudes e Antonio Landim(ambos do PSC) como também de Jaime Campos(PR) e Jussara Macedo(PV), ou ainda, do próprio Luiz Carlos (PT). Outros como o da vereadora Iracilda(ex-PSB), sobretudo de Olavo Batista – irmão do atual presidente da Câmara Oliveira(PSDB), fazendo dupla com o atual prefeito Adailton Macedo(ex-PSDB) este que, inclusive, já está no PMDB do senador Eunício Oliveira e do deputado Raimundão Macedo(seu tio).

Mas, convenhamos que, por enquanto, tudo não passa de pura especulação, como tem sido comum as estes momentos que antecipam o processo das convenções eleitoras e das chamadas “costuras” políticas, com vistas aos apoios e formação das futuras coligações partidárias.

Será, por assim dizer, uma disputa interessante, posto que o atual prefeito, que já confirmou que vai para à reeleição, dentre em breve, estará igualmente na base de sustentação, tanto do governo Cid quanto da presidente Dilma em face do seu propalado ingresso(já sacramentado) no PMDB. Isso anularia em parte, algumas das críticas preferidas pelos seus adversários políticos, que adoravam chamá-lo de ‘direita’ numa relação direta(na época) com o governo Lula.

Legislativo Mirim:

Como se ver, pelo andar da carruagem próximo de 20 partidos deverão concorrer a pelos menos uma cadeira na câmara municipal. Algumas siglas com nomes já amplamente conhecidos do eleitorado aurorense – os que já se definiram como concorrentes à reeleição, outros nem tanto. Nomes totalmente novos, quando não desconhecidos da população. Quem sabe, nas próximas eleições o percentual de renovação da câmara de vereadores consiga se elevar como nunca. O que seria realmente surpreendente e altamente positivo. Afinal de contas assim é que se afirma a democracia. Mas estas previsões só se confirmarão mesmo nas urnas, de modo que todo o resta é nebuloso. Isto é, não passa de meras especulações politiqueiras.

O quadro político de Aurora, no geral ainda está a se desenhar no cenário da corrida eleitoral. Talvez depois de janeiro do próximo ano que se avizinha, poderemos visualizar algo de novo no horizonte deste campo de batalha. Isto é, os verdadeiros protagonistas e seus coadjuvantes de uma disputa que promete, nos dois níveis do poder.

Por outro lado, quanto as possíveis novidades de nomes postulantes a uma vaga no legislativo municipal, a exemplo dos que concorrerão pelas siglas: PSL, PCdoB, PSD, PR, PV, PT, PPS e PMDB algumas surpresas poderão ser concretizadas, num primeiro momento apenas no que se refere a disputa pura e simples. Porque quanto à conquista em definitivo de uma cadeira, como se diz, isso “é outros quinhentos”.

De resto, diante de tantas especulações e boatos de rua, o certo é aguardar... Isso porque, daqui pra lá, muita água ainda haverá de correr por sob a ponte. Até porque como se costuma dizer por estas bandas, “em se tratando de política tudo pode acontecer, inclusive nada...”

No mais, a palavra de ordem agora é tão somente esperar. Porque, quem viverá, verá...

-------------------
(JC) especial para o Blog de AURORA.
.................................

LEIA MAIS EM:

WWW.jcaurora.blogspot.com

WWW.blogdaaurorajc.blogspot.com

WWW.seculteaurora.blogspot.com

WWW.prosaeversojc.blogspot.com

WWW.cariricangaco.com

2 comentários:

vanilda disse...

Toda razão!"Na política,tudo pode acontecer,inclusive nada." Uma das mais belas definições para tal assunto.Enquanto isto,vamos pelo menos esperar que estes gonvernantes deixe de lado todas as ambições descabidas e façam com que cada voto ali depositado,não os torne seres imperfeitos.
Vanilda-SP.(aurorense)

Anônimo disse...

Cenário Político em Aurora: http://politicadocariri.blogspot.com/

Google+ Followers