segunda-feira, 22 de março de 2010

A Quadra Invernosa e os Pernitentes de Aurora*

Em reunião do grupo da Ordem Santa Cruz de Aurora, presidido pelos decuriões: Zé Carneiro e Chico Leal, do subgrupo da malhada Funda no último dia 19 de março, na CE 286, Caminhoneiro Orlando Leite de Macedo na aglutinação de toda forania, os Peregrinos de Assis, seguindo a regra bulada do Padre Cícero Romão Batista, no miseré de contemplação ao alto, em homenagem a pai adotivo de Jesus Cristo – São José – ladeado do cruzeiro itinerante, a oração de petição de chuvas foi o ato solene litúrgico religioso, sob, as lágrimas ardentes da fé dos sertanejos bravos, fervorosos e fortes, partindo do alertai na entrada do Sitio Angicos, as preces e louvores, quando ('na CE-286 na entranda da cidade'), na inauguração do cruzeiro do irmão Vicente Benício de Luna Neto, terço organizado pela irmão da Ordem Santa Cruz Geraldo Benicio de Luna, a fumaça do canto solene, na silhueta da fé, subia ao alto aos Braços de São José e retornava a terra que feliz ficou ao ver o ato daquelas fortes figuras cadavéricas receber o manto da devoção espiritual ao Santo Padroeiro do Ceará.
O céu estrelado na gangorra espiritual, já, no cansaço do poder racional, quebrando todo o raciocínio da linha lógica da meteorologia e da ciência, como num bailado imaginário entre São José e o padroeiro da cidade de Aurora – Menino Deus, as estrelas, e a sequidão da aridez vão, ao som do templo, dando origem a estratos esparsos, e não mais que um dia depois, os nimbos a caírem, em forma de nuvens escuras e haja chuva no município de Aurora no estado do Ceará.
Se foi fé ou coincidência fica a dúvida para os teólogos e cientistas.
Aurora, 22 de março, 2010.
Por: Luiz Domingos de Luna
Aurora - CE.

2 comentários:

LIVRO DIGITAL - LUIZ DOMINGOS DE LUNA disse...

Caro Amigo José Cicero da Silva fico sempre muito feliz e agradecido pela postagem em seus blogs de todo o manancial cultural, artístico, literário, esportivo e religioso que emanam da Terra do Menino Deus, ao tempo em que admiro esta sua veia vocacional para novos talentos, novas artes, novos por vis e a sua grande genorosidade em publicar os meus simples e humildes artigos.
Sou muito grato por isto.

Do Amigo de sempre,

Luiz Domingos de Luna
companheiro da Revista Aurora.

SOS DIREITOS HUMANOS disse...

DENÚNCIA: SÍTIO CALDEIRÃO, O ARAGUAIA DO CEARÁ – UMA HISTÓRIA QUE NINGUÉM CONHECE PORQUE JAMAIS FOI CONTADA...



"As Vítimas do Massacre do Sítio Caldeirão
têm direito inalienável à Verdade, Memória,
História e Justiça!" Otoniel Ajala Dourado



O MASSACRE APAGADO DOS LIVROS DE HISTÓRIA


No município de CRATO, interior do CEARÁ, BRASIL, houve um crime idêntico ao do “Araguaia”, foi o MASSACRE praticado pelo Exército e Polícia Militar do Ceará em 10.05.1937, contra a comunidade de camponeses católicos do SÍTIO DA SANTA CRUZ DO DESERTO ou SÍTIO CALDEIRÃO, cujo líder religioso era o beato "JOSÉ LOURENÇO GOMES DA SILVA", paraibano de Pilões de Dentro, seguidor do padre CÍCERO ROMÃO BATISTA, encarados como “socialistas periculosos”.



O CRIME DE LESA HUMANIDADE


O crime iniciou-se com um bombardeio aéreo, e depois, no solo, os militares usando armas diversas, como metralhadoras, fuzis, revólveres, pistolas, facas e facões, assassinaram na “MATA CAVALOS”, SERRA DO CRUZEIRO, mulheres, crianças, adolescentes, idosos, doentes e todo o ser vivo que estivesse ao alcance de suas armas, agindo como juízes e algozes. Meses após, JOSÉ GERALDO DA CRUZ, ex-prefeito de Juazeiro do Norte/CE, encontrou num local da Chapada do Araripe, 16 crânios de crianças.


A AÇÃO CIVIL PÚBLICA AJUIZADA PELA SOS DIREITOS HUMANOS


Como o crime praticado pelo Exército e pela Polícia Militar do Ceará é de LESA HUMANIDADE / GENOCÍDIO é considerado IMPRESCRITÍVEL pela legislação brasileira e Acordos e Convenções internacionais, por isto a SOS DIREITOS HUMANOS, ONG com sede em Fortaleza - CE, ajuizou em 2008 uma Ação Civil Pública na Justiça Federal contra a União Federal e o Estado do Ceará, requerendo: a) que seja informada a localização da COVA COLETIVA, b) a exumação dos restos mortais, sua identificação através de DNA e enterro digno para as vítimas, c) liberação dos documentos sobre a chacina e sua inclusão na história oficial brasileira, d) indenização aos descendentes das vítimas e sobreviventes no valor de R$500 mil reais, e) outros pedidos



A EXTINÇÃO SEM JULGAMENTO DE MÉRITO DA AÇÃO


A Ação Civil Pública foi distribuída para o Juiz substituto da 1ª Vara Federal em Fortaleza/CE e depois, para a 16ª Vara Federal em Juazeiro do Norte/CE, e lá em 16.09.2009, extinta sem julgamento do mérito, a pedido do MPF.



AS RAZÕES DO RECURSO DA SOS DIREITOS HUMANOS PERANTE O TRF5


A SOS DIREITOS HUMANOS apelou para o Tribunal Regional da 5ª Região em Recife/PE, argumentando que: a) não há prescrição porque o massacre do SÍTIO CALDEIRÃO é um crime de LESA HUMANIDADE, b) os restos mortais das vítimas do SÍTIO CALDEIRÃO não desapareceram da Chapada do Araripe a exemplo da família do CZAR ROMANOV, que foi morta no ano de 1918 e a ossada encontrada nos anos de 1991 e 2007;



A SOS DIREITOS HUMANOS DENUNCIA O BRASIL PERANTE A OEA


A SOS DIREITOS HUMANOS, igualmente aos familiares das vítimas da GUERRILHA DO ARAGUAIA, denunciou no ano de 2009, o governo brasileiro na Organização dos Estados Americanos – OEA, pelo DESAPARECIMENTO FORÇADO de 1000 pessoas do SÍTIO CALDEIRÃO.


QUEM PODE ENCONTRAR A COVA COLETIVA


A “URCA” e a “UFC” com seu RADAR DE PENETRAÇÃO NO SOLO (GPR) podem localizar a cova coletiva, e por que não a procuram? Serão os fósseis de peixes do "GEOPARK ARARIPE" mais importantes que os restos mortais das vítimas do SÍTIO CALDEIRÃO?



A COMISSÃO DA VERDADE


A SOS DIREITOS HUMANOS busca apoio técnico para encontrar a COVA COLETIVA, e que o internauta divulgue a notícia em seu blog/site, bem como a envie para seus representantes no Legislativo, solicitando um pronunciamento exigindo do Governo Federal a localização da COVA COLETIVA das vítimas do SÍTIO CALDEIRÃO.


Paz e Solidariedade,



Dr. Otoniel Ajala Dourado
OAB/CE 9288 – 55 85 8613.1197
Presidente da SOS - DIREITOS HUMANOS
Membro da CDAA da OAB/CE
www.sosdireitoshumanos.org.br
sosdireitoshumanos@ig.com.br

Google+ Followers