quinta-feira, 24 de março de 2016

Secretaria de Cultura organiza "Terço dos Penitentes" no cemitério da "Bailarina" em AURORA.

Abrindo as tradicionais celebrações alusivas à semana santa a Secult-Aurora organizou Terço dos Penitentes na noite desta quarta-feira no cemitério da Bailarina no riacho das Antas

Sob a organização da Secretaria de Cultura e Turismo(Secult) Penitentes de vários grupos de Aurora e principalmente do riachos das Antas rezaram na noite desta última quarta-feira,(23) o tradicional "Terço dos Penitentes" no misterioso e enigmático '"Cemitério da "Bailarina" que está localizado na região do sítio Antas( entre as comunidades de  Carro Quebrado, Patos e Espinheiro).
A celebração do ato se  aconteceu em comemoração a abertura da semana santa, que culminará com a 'sexta-feira da paixão', quando acontece o ponto alto das penitências beatas pelos que fazem as penitências dos grupos de beatos que compõem a ordem santa cruz de Aurora. Ocasiões em que também acontece a 'autoflagelação dos corpos' que  constitui para todos  'eles', o verdadeiro aplacar dos pecados humanos e das dores do próprio Jesus  Cristo durante seus calvário de sofrimento. 
E para tanto, os penitentes utilizam feixes de navalhas cortantes conhecida pelo nome de "Disciplina". Um instrumento feito de metal pelo Decurião do grupo que exerce o papel de chefe, orientador espiritual e carregador da Guia, ou seja, do cruzeiro bento de madeira que atrás do qual todos seguem pelas noites adentro pelas estradas solitárias e escuras dos sertões aurorenses.O que conforme o secretário de cultural , o professor José Cícero - "Será um raro momento em que reuniremos fiéis, beatos e penitentes de todo o nosso município tanto da cidade quanto da zona rural para a tradicional celebração do 'Terço dos penitentes' que após mais de vinte anos volta a ocorrer no solo sagrado da mística e misteriosa necrópoles da Bailarina - antigo cemitério clandestino remanescente do século XVIII - situada em plena caatinga de Aurora (quase na divisa território de Barro e Milagre), remontando assim à época das grandes epidemias do terrível 'Colerus Mórbus' - hoje Cólera - doença que no passado era conhecida pela alcunha de  "Bailarina" e, que dizimara populações inteiras pelo Brasil a fora, especialmente na região Nordeste. Em cujo local ainda hoje existem preservadas várias catacumbas onde encontram-se sepultadas muitas vítimas da tal epidemia. 
De belos formatos estéticos, os túmulos até hoje são cuidados e preservados pelos penitentes da comunidade tendo como responsável direto o senhor Dé de Lisboa.
Na noite desta quarta(23 março)  a secretaria de cultura e turismo do município articulou o evento, além de disponibilizar um ônibus para transportar até a comunidade onde encontra-se situado o Cemitério a cerca de 18 Km da sede, os penitentes da cidade, estudantes de história, professores, a equipe de trabalho da  pasta e demais pessoas que  desejaram  acompanhar de perto o acontecimento. Após a celebração a Secult  também ofereceu  aos presentes um lanche que fora servido nas proximidades da capela de Santa Terezinha da referida comunidade. 
Da redação do Blog de Aurora.
fotos: Jean Charles e JC
> www.blogdaaurorajc.blogspot.com

Nenhum comentário:

Google+ Followers