terça-feira, 1 de julho de 2008

Violeta Arraes: Eterna sertaneja cidadã do mundo!

Os jardins do Araripe, bem como de todo o Vale caririense perderam agora seu antigo encanto, posto que sua mais linda rosa, a flor do lótus feneceu. A Violeta que mantinha no semblante e coração todas as cores do mundo. Além de de todas as bondades e a beleza da vida. As mais sublimes qualidades e os perfumes que a humanidade mais precisa para crescer, evoluir e ascender aos píncaros da sabedoria e da história.
Sem nossa Violeta os jardins desses verdes vales e serras estão mais áridos, pobres, carentes de estéticas e de entusiasmos. Adeus Violeta Arraes!
Os grandes jardineiros dos céus; dos umbrais universais haverão de cantar hinos fantásticos e maravilhosos tão somente para celebrar a tua chegada. Enquanto aqui, continuaremos todos à duras penas, no árduo ofício de acreditar no futuro, na esperança de que poderemos cultuar e cultivar novas Violetas pelos anos a dentro, só porque cremos piamente que você não morreu. Posto que os gigantes, os titãs da bondade e do saber, tanto quanto as suas idéis não morrem nunca. Adeus santa rosa Violeta...
Feliz despertar para à eternidade. Qualquer dia desses nos encontraremos de novo nos jardins e nas Universidades da vida plena. E tudo será novamente e, para o todo e sempre, uma grande festa. E o mundo como tal, será de vez um mero detalhe. Quem sabe um mero estado de espírito.
Violeta você existiu... e isso é o bantante para acreditamos no dia da vinda!
_____________________
Prof. José Cícero
Aurora - CE. In O POVO

Irmãos Iluminados: Humanos não têm consciência cósmica*

Ao contemplar o emaranhado Cósmico do Universo, todo ser humano se sente impotente diante de tanta existência, satélites, planetas,quasares, galáxias, buracos negros e uma infinitude que o pensamento dos seres humanos, mesmo para os mais brilhantes gênios da humanidade,fica sempre a pergunta para que tudo isto? Que engenharia é esta? Como foi feito? Por que foi feito, como? Existe até os mais audaciosos que perguntam realmente estamos sós? É assustador saber que os seres humanos com todo o conhecimento adquirido ainda não tenham respostas para: De onde viemos? Para onde vamos? Porque estamos aqui? Qual a Missão humana? Diante de tanta beleza inteligível da existência, penso que outros seres universais já ultrapassaram a inteligência humana há muito {de longe}. Pois a morte é algo muito obsoleto, a dependênciados seres humanos com o meio ambiente e muito grande, estes animais Racionais precisam de água, ar, gravidade, alimento, só sabem viver em grupos, parece que estão sempre assustados. Esta dependência exageradado meio ambiente é com certeza um atraso intelectual muito grande. É muita repetição. A dor, o sofrimento e a morte são provas cabais de que a humanidade não está pronta para ter o controle do universo. Porém entendo que outros irmãos nestas alturas já têm a chave do controle universal. Até quando teremos que clamar pela caridade intelectual dos nossos irmãos iluminados, que com certeza estão rindo destes seres racionais, mas que não conhecem a razão da existência do universo em expansão.
Aos Seres Humanos
Quebrando correntes
No tempo a passar
Mistérios a desvendar
A todo o momento
Se tudo fosse diferente
Teria o ser humano
O pensar, um plano.
Da existência presente
Que show arriscado
De um palco sem fim
O infinito vem a mim
Ou já foi programado
Tanta existência
Quem vai usufruir
O tempo destruir
Ou há consistência
A Vida acompanha
As etapas da curva
Existe uma luva
De potência tamanha
Controlar o processo
De toda imensidão
É plenitude da razão
Ou pensamento, ao inverso.
É do ser humano obrigação
Conhecer todo o infinito
Ou existe um conflito
Buscando interrogação?
Já não é chegado
A hora de saber
Do universo o porquê ?
Na existência - postado.
Autor: Luiz Domingos de Luna
Internet - RA

Google+ Followers